23.7.19

TENHO UMA NAMORADA E MEU MARIDO NEM DESCONFIA

Nas minhas noites de insônia me distraia nas redes sociais. Enquanto meu marido dormia, roncava, eu revirava os perfis. Um deles, cujo avatar era um morango me chamou atenção. As fotos da página daquele perfil eram muito sensuais e eróticas - uma boca mordendo um morango, morango nos seios, imagens eróticas e sensuais seguidas de comentários bem safadinhos. Não conseguia saber se era perfil de mulher, mas fiz alguns comentários, pedi amizade e aguardei ser aceita ou não. 
Para minha surpresa a resposta veio no dia seguinte. Fui aceita! Morango era uma mulher, Claudia que também curtiu algumas das minhas publicações.
Nos dias que seguiram trocamos mensagens no reservado. Ela era separada e 10 anos mais velha que eu. Claudia me falou que viajava muito a trabalho e que viria a São Paulo em breve. Combinamos de nos conhecer quando estivesse aqui na Cidade. 


Semana anterior a sua chegada conversamos madrugada adentro principalmente sobre sexo. Me contou que era bissexual, que tinha uma namorada... Falei para ela que era casada fazia 15 anos e que nunca tive uma relação extraconjugal. Confesso que nossas conversas apimentadas me deixavam com muito tesão! Uma noite abrimos a câmera do computador, ficamos nuas e fizemos sexo virtual. Me masturbei e gozei muito!
Dias depois fui buscá-la no aeroporto. Era mais linda e gostosa pessoalmente. Levei Claudia até o hotel onde ela ficaria hospedada. Depois de fazer o check-in me convidou para tomar um drink e conversamos muito. Falamos sobre a viagem, quanto tempo ficaria, que poderíamos fazer algumas coisas juntas rsrs.
Claudia me convidou para subir ao quarto. Entramos, ela tirou a roupa, encheu a banheira e me convidou para entrar com ela na água quentinha e cheia de espumas. Nossos corpos nus, suas pernas grossas roçando as minhas naquele contato íntimo, fez o tesão aumentar. Ela se aproximou, me olhou e nos entregamos em um beijo ardente. Jamais me imaginara beijando uma mulher e isso contribuía para tornar o momento ainda mais excitante. As mãos hábeis me tocavam, deslizavam pelos meus seios descendo pela minha barriga e chegando na minha buceta. Eu me contorcia toda gemendo de prazer pedindo mais. Claudia se sentou à minha frente... Senti o toque de seu sexo no meu, desejei ardentemente esse contato. Fomos interrompidas pela campainha. Claudia voltou com uma garrafa de champanhe e uma bandeja de morangos e se deitou na cama.
-Vem, deita-se aqui! Ela pediu dando tapinhas na cama. 


Deitei e peguei a taça de champanhe. Tomei um gole e mordi o morango olhando seus olhos maliciosos e gulosos. 
Claudia abriu minhas pernas e colocou os morangos na minha buceta. Depois de um gole no champanhe ela começou a comer um a um os morangos, mordendo-os e derramando o suco na minha pele e meu sexo já molhado de desejo até restar apenas um: o maior e mais vermelho de todos. Segurando-o com suas unhas vermelhas ela passou a brincar esfregando-o no meu sexo me deixando louca de tesão. Ergui um pouco o corpo para vê-la passar a fruta vermelha e suculenta na abertura da minha buceta, esfregá-lo de cima para baixo melando-o todo com minha lubrificação enquanto eu gemia de tesão e arqueava meu corpo para sentir ainda mais aquele contato inebriante.
- Essa bucetinha é muito gostosa sabia?! Falou e mordeu morango sorvendo mais um gole de bebida.
Claudia abriu a buceta dela, derramou um pouco de champanhe e pediu:
- Vem chupar, passa a língua quente nela!


Enquanto eu a chupava gemia e gritava puxando meus cabelos. 
Claudia me pôs de quatro e chupou meu clitóris, minha bunda e meu cuzinho... Minha buceta inchada doía de tanto tesão.
Ela encostou a buceta lisinha na minha esfregando-a avidamente, eu arqueava meu corpo para encaixá-lo ainda mais no dela, um tesão crescente foi me dominando... Aumentamos o ritmo, eu sentia o clitóris dela encostando no meu, quentinho, meladinho. Nos duas gemíamos alto, gritando de prazer, trocando beijos ardentes. 


O gozo veio gostoso, forte, nos deixando inertes na cama, saciadas e felizes. 
A partir de então ficamos muito íntimas e sempre que ela vem a São Paulo nos encontramos.  Numa dessas vezes apresentei a Claudia para meu marido, que nem desconfia que brincamos!

8 comentários:

Jana e Renato disse...

que que é isso?????
que tesão!!!!

Kique disse...

Que tesão de conto
Bjs

Kique

Hoje em Caminhos Percorridos - Forjar a espada.....

Biografias eróticas disse...

Maravilha, a minha amiga Marta ficou toda molhada, grande ajuda

MENINAS A BRINCAR NO BANHO





Biografias eróticas disse...

Maravilha, a minha amiga Marta ficou toda molhada, grande ajuda

MENINAS A BRINCAR NO BANHO





Biografias eróticas disse...


Maravilhoso, a MARTA minha amiga ficou toda molhada.

MENINAS A BRINCAR NO BANHO





Biografias eróticas disse...

MENINAS A BRINCAR NO BANHO





NightlySun disse...

Sexo lésbico sempre me excita.

Anônimo disse...

Acho que não devo voltar aqui em horário de trabalho hehehe... quase me masturbei debaixo da mesa